quarta-feira, 26 de setembro de 2012

HÁ QUANTO TEMPO VOCÊ NÃO DIZ : TE AMO?


Não me refiro a palavra pela palavra. Não quero dizer que basta falar. A palavra  deve ser o sentimento materializado. É o pensamento convertido em ondas sonoras, tornando audível as vibrações mentais. Às vezes, sentimos e não verbalizamos. Há os que acreditam que devem apenas sentir e demonstrar com atos. Falar não seria importante. Acho que, dessa forma, estamos menosprezando um dos sentidos de expressão mais interessante de que dispõe o ser humano. Ouvir expressões de sentimento equivale a um banho magnético, uma torrente de sentimentos que chega ao coração pelas ondas sonoras. E tira da subjetividade aquilo que pede para ser advinhado. Certo que o olhar cheio de ternura pode dizer muito - e diz, no entanto, muitos sentimentos podem ter expressão semelhante em certos olhares. A palavra dita com sentimento pode ter o condão de explicitar, objetivar, o que o olhar e os gestos estão dizendo.

Falar sobre o quanto amamos o filho, o companheiro ou companheira, o irmão, o amigo, impregna o ambiente de uma magia transcendente. E pode desanuviar uma atmosfera eivada de dúvidas ou stress. É um pequeno gesto de afeto que pode tornar-se colossal medicamento nas relações. E, nunca é demais repetir, desde que com verdade, delineando um sentimento verdadeiro. Para quem fala, há outro valor: enternece o coração. Abranda a alma que assim se expressa. Recordamos a assertiva evangélica: a boca fala do que está cheio o coração. A palavra é pois a configuração do céu interno em que se vive ou do inferno moral em que nos movimentamos.

E aí? Quanto tempo faz que você não diz: Eu te amo ?
*Frederico Menezes

1 comentários:

✿ chica disse...

Temos que dizer ou demonstrar, mas deve passar pelo coração e não apenas sair da boca...beijos,chica

Postar um comentário

É assim...

É assim...
Tecnologia do Blogger.

ou é assim...

ou é assim...

Follow by Email

About Me

Minha foto
Pedra bruta se deixando lapidar pelo cinzel da vida

Seguidores